2 abril 2019

PIAZZOLLA, OS ANOS DO TUBARÃO

de Daniel Rosenfeld

Piazzolla, los Años del Tiburón | 92’ | Argentina, França | 2018 | m/12

O compositor e bandoneonista argentino Astor Piazzolla (1921-1992) revolucionou o tango. O seu tango nuevo, uma abordagem revolucionária, com influências de jazz e de música clássica, tornaram-no uma figura controversa no seu próprio país, pelo choque com a tradição musical.

O primeiro bandoneon de Astor foi-lhe oferecido pelo pai, quando tinha 9 anos. Vinte anos mais tarde, tinha atingido o limite do tango. Em busca do seu próprio estilo, estudou piano e composição em Paris, no início dos anos 1950. Aí, apercebeu-se de que, apesar de tudo, era ainda um tanguero. Seguir-se-ia uma carreira multifacetada, maioritariamente na Europa e nos Estados Unidos da América.

Para o documentário Os Anos do Tubarão, Daniel, filho de Astor, abriu as portas à sua coleção privada. Imagens exclusivas de inúmeros espetáculos e filmagens familiares íntimas que, combinadas com material de arquivo, pintam um retrato intenso de Piazzola: seguro de si, obstinado, apaixonado e um verdadeiro virtuoso. Os comentários de Daniel revelam um relacionamento complicado com o pai, enquanto as horas de gravações áudio entre Piazzolla e a sua filha, Diana, fornecem uma perspetiva rara da mente de um génio musical.